Bloqueio psicológico sentimental

14:30 Lorranne 1 Comments

Que saudade que eu estava disso aqui, e como é bom voltar para o blog com cara nova.
E para começar essa nova fase, resolvi fazer um post um tanto pessoal. E para falar da minha vida pessoal de uma maneira um pouco menos monótona vou aproveitar para fazer uma indicação de filme. Quem aí já viu o filme "Amizade colorida"  (Friends with benefities)? Se você não viu, corre e assiste que ele é ótimo. Engraçado e com uma pitada de romance, mas um romance um tanto real sabe, daqueles que você olha e pensa, "poxa, isso pode acontecer comigo um dia!", mas não é só por isso que esse filme me conquistou na primeira vez que o vi.
Para poder explicar melhor e prosseguir com o post vou contar resumidamente a história do filme, Jamie é uma caça-talentos, que indicou Dylan para uma vaga em uma grande empresa, eles acabam se tornando grande amigos e se apaixonam. Mas aí vem as complicações, que são exatamente aonde eu queria chegar. Jamie e Dylan são um casal perfeito, não fosse a dificuldade de assumir relacionamentos que Dylan tem e os vários bloqueios psicológicos de Jamie. Acontece que eu amei esse filme porque os dois são eu. Calma que eu já vou me explicar.
Jamie diz que tem problemas com relacionamentos porque ela espera demais das pessoas, e apesar de todas as desilusões que passou, ainda fantasia com um romance perfeito e como já era de se esperar, vive uma frustração atrás da outra. Porque a Jamie é uma parte de mim? Porque eu sou mestra em me iludir, em esperar demais e ficar toda frustrada depois. Sou mestra em esperar amores perfeitos, vindos dos filmes românticos hollywoodianos dos anos 60 e que se materializam na vida da gente, só que adivinha, isso nunca aconteceu, e tenho começado a pensar que nunca vai acontecer. Mas o problema é que a partir do momento em que eu entro em um relacionamento, parece que perco o controle e lá vou eu criar expectativas e me ferrar no final. E é aí que o Dylan aparece.
Devido aos vários romances frustrados que eu já vivi, acabei me tornando uma pessoa extremamente receosa com relacionamentos sérios. Clichê? Pode até ser. Mas acreditem, é difícil. Sério. Você se apavora só de pensar em começar algo com uma pessoa, porque já no começo você só consegue contabilizar as várias coisas que podem dar errado e o quanto você vai sofrer. E é por isso que surge esse bloqueio que te afasta de todos os relacionamentos.
Entendem o quão bipolar é a situação? É como um ciclo sem fim, começo algo novo (com medo) > passo a confiar e crio expectativas > me frustro > termino > começo algo com medo...
Complicado não? Mas enfim, esse era meu desabafo e confissão de hoje, eu tenho bloqueio psicológico sentimental e tento todos os dias mudar isso. Me desejem sorte e assistam o filme, vale muito a pena hahahaha.


Um comentário:

  1. Own, super fofo o post, eu te entendo também sou mega assim, HAHA

    Beijinhos,
    Lia ♥
    www.limaoealecrim.blogspot.com

    ResponderExcluir